01/11/2011


O risco de pobreza para mulheres maduras

 

As mulheres estão entre as maiores vítimas de pobreza na terceira idade. Segundo dados da Women’s Institute for a Secure Retirement, uma entidade americana que promove a educação financeira para mulheres, a taxa de pobreza entre mulheres americanas com 65 anos de idade ou mais é de 19,1%, mas chega a ultrapassar 40% entre as hispânicas que vivem nos EUA (veja gráfico). Esta é uma situação recorrente por todo o mundo. Embora as mulheres estejam enriquecendo, chegam a aposentadoria com dificuldades financeiras. 

 

Por que isso ocorre? Porque as mulheres têm baixa taxa de poupança pessoal.  E por que as mulheres não guardam dinheiro para a aposentadoria?

“Porque elas são as compradoras da família. São elas que se preocupam em atender todas as demandas domésticas”, disse a  jornalista Mara Luquet na apresentação que fez durante o Women’s Global Forum, em outubro, na cidade francesa de Deauville, na região da Normandia.

Equilibrar os cuidados com a família sem se esquecer da sua própria segurança financeira é um dos maiores desafios femininos. Além disso, as mulheres têm salário menor dos que os homens ainda que estejam no mesmo cargo. Veja no gráfico que no Brasil as mulheres ganham o equivalente a 57 centavos de dólar para cada dólar pago a um trabalhador homem.

Há ainda a questão da longevidade feminina. Mulheres têm uma expectativa de vida maior do que homens, ou seja, vão precisar de mais recursos do que eles para financiar a aposentadoria porque viverão mais tempo.

 

Escrito por Elas & Lucros às 11h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

31/10/2011


Como gastar sem culpa e investir sem erros

 

Chega às livrarias no próximo mês o Guia Mara Luquet de Finanças Pessoais – Como gastar sem culpa e investir sem erros, editado pela Campus em parceria com a Letras & Lucros.

Este é um guia de finanças diferente, como já explica a autora na apresentação do livro. Logo no primeiro capítulo percebe-se a razão: mara faz suas anotações a bordo de um Boeing que está prestes a pousar no Burão. Isso mesmo, uma viagem ao minúsculo reino do Himalaia que a autora fez em 2006 é o fio condutor deste guia de finanças pessoais.

O Guia é assim, cheio de anotações muito pessoais, mas também as informações básicas para que cada um faça suas próprias escolhas.  Há informações sobre orçamento, renda fixa, ações, investimentos on line etc.

E há algumas informações bem interessantes para que você melhore seu relacionamento com o banco. Como o quadro a direita por exemplo.

 

 

 

 

 

Mais informações: http://www.letraselucros.com.br/project/so-para-voce/

 

Escrito por Elas & Lucros às 16h28
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

30/10/2011


Ações brasileiras estão entre as mais baratas do mundo

A forte alta que o principal índice de ações do mercado brasileiro, o Ibovespa, registrou em outubro não foi suficiente para Bolsa brasileira sair do grupo dos piores desempenhos do mundo em 2011. Os dados foram compilados pela corretora Geração Futuro e comparam o retorno das ações mais negociadas no Brasil ao das Bolsas de outros 12 países (veja quadro).

Uma má notícia? Nem tanto. Para quem quer investir em ações vale a pena observar o estudo que mostra ainda que os resultados das empresas continuam fortes. Ou seja, ações baratas de empresas lucrativas. Este pode ser um bom sinal para entrar no mercado.

 A queda de 20,3% (em moeda local) do indicador o coloca à frente apenas das bolsas de Portugal (-21,0%) e Grécia (-44,7%) no período - dois países que, juntamente com Espanha e Itália passam por um período de forte crise na Europa no momento. 
No entanto, segundo o estudo da Geração Futuro, a queda nos preços das ações brasileiras não foi acompanhada de uma redução dos lucros das companhias. As empresas, na maioria dos casos, continuam apresentando crescimento nas vendas e no lucro. 

“Em empresas como Vale, Petrobras e nos bancos, os lucros líquidos apresentados são os maiores já registrados”, diz o estudo da Geração Futuro. Esta situação provoca um impacto direto nos múltiplos das ações brasileiras. Multiplos são indicadores utilizados por analistas para saber se uma ação está cara ou barata. 

No caso do múltiplo conhecido como P/L (Preço da ação/Lucro da empresa), as ações brasileiras registram números inferiores às medias históricas.

Na comparação direta com as bolsas de outros países, as ações brasileiras mostram-se mais baratas – na prática, quanto menor o valor do indicador Preço/Lucro (P/L), mais barato o preço de uma ação, em relação ao lucro líquido gerado pela companhia. 

Escrito por Elas & Lucros às 19h00
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Este blog é nosso canal diário de conversa. Em 2006 nós nos conhecemos quando lançamos o livro ?Meninas normais vão ao Shopping, meninas iradas vão à Bolsa? (editora Letras & Lucros / Saraiva). Desde janeiro este contato passou a ser mensal com o lançamento da Elas & Lucros, a primeira revista de finanças pessoais para mulheres do Brasil. Agora, estaremos todos os dias.
Outros sites


Siga Elas & Lucros:




Fale Conosco
Clique aqui e envie uma mensagem para nós!